Grupo Hospitalar Conceição ancora
logo
instagram facebook twitter youtube busca privacidade
menu
Banco de Sangue do GHC - Doações e Estoque WhatsApp 33572072

O Banco de Sangue do Grupo Hospitalar Conceição (GHC) está localizado no segundo andar do Hospital Conceição, na Av. Francisco Trein, 596, Bairro Cristo Redentor, Porto Alegre.

Está aberto para doações de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 17h, e aos sábados das 7h30min às 12h (até 60 atendimentos aos sábados). Nos feriados não tem atendimento. Para grupos acima de 10 pessoas faz-se necessário agendamento prévio.

Os resultados de exames estarão disponíveis 7 dias úteis após a doação, de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 07h30min ás 17 h. Para retirada, é necessário apresentar documento original do doador ou procuração do mesmo acompanhada do documento original ou cópia do doador e do documento original do procurador (clique aqui na procuração).

Define-se como doador regular de sangue a mulher que se submete à coleta de sangue no mínimo duas vezes ao ano e o homem que se submete à coleta três vezes ao ano.

As coletas para o cadastro de Medula Óssea estão temporariamente inoperantes.

Não será permitida a presença de crianças menores de 12 anos acompanhando os doadores de sangue

Informações do Estoque em: 16/04/2024
Legenda:

Condições básicas para doação de sangue:

- ter acima de 50 kg;

- ter ingerido alimentação leve, sem gordura;

- ter entre 16 e 69 anos. Para menores de 18 anos faz-se necessário o consentimento formal do responsável legal (clique aqui na Autorização) que deverá vir acompanhada de documento original ou cópia do documento do responsável pelo doador e documento original do doador. A cada doação será necessária uma nova autorização. O limite de idade para a primeira doação é de 60 anos;

- Não estar gripado nem ter tido gripe nos últimos 7 dias;

- Não tenha antecedente de hepatite viral após os 11 (onze) anos de idade, exceto para caso de comprovação de infecção aguda de hepatite A (IgM reagente) à época do diagnóstico clínico, hipótese em que o doador poderá ser considerado apto após avaliação do resultado pelo médico do serviço de hemoterapia;

- A gestação é motivo de inaptidão temporária para doação de sangue até 12 (doze) semanas após o parto ou abortamento;

- Não serão aceitas como doadoras as mulheres em período de lactação, a menos que o parto tenha ocorrido há mais de 12 (doze) meses;

- Respeitar a frequência máxima de doações: 4 doações anuais para homens e 3 doações anuais para mulheres. Assim como o intervalo mínimo entre as doações: 2 meses para homens e 3 meses para mulheres;

- Não ter realizado tratamento dentário nos últimos 7 dias;

- Não ter feito tatuagem, piercing ou maquiagem definitiva nos últimos 6 meses ou 12 meses se não houver condiçõo de avaliação da segurança do procedimento realizado; se na cavidade oral e/ou na região genital, devido ao risco permanente de infecção, a inaptidão é 12 meses da retirada.

- Não ter feito endoscopia, colonoscopia ou artroscopia nos últimos 06 meses;

- Não ser portador dos vírus HIV e/ou HTLV;

- Não ter tido doença sexualmente transmissível nos últimos 12 meses;

- Não ter tido contato sexual nos últimos 12 meses com pessoas que apresentam comportamento de risco;

- Não ter sido detido em instituição carcerária ou policial nos últimos 12 meses;

- Não ter recebido sangue nem ter feito hemodiálise nos últimos 12 meses.



Pessoas que contraíram covid-19 podem doar sangue 30 dias depois que todos os indicativos da doença tenham desaparecido.

Quanto às vacinas, devem aguardar 48 horas após Coronovac e Influenza e 7 dias após AstraZeneca e Pfizer

O doador deve trazer um documento oficial com foto, que pode ser Carteira de Identidade, Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Trabalho, Passaporte, Registro Nacional de Estrangeiro, Certificado de Reservista e Carteira Profissional emitida por classe, sendo aceitas fotocópias autenticadas desde que as fotos e inscrições estejam legíveis e as imagens permitam a identificação do portador.

Para maiores informações clique aqui.

Atenção: o inciso IV do artigo 64 foi revogado pelo STF.